Correr com lixo nos pés

Há já alguns meses que os chouriços, a que chamo pés, se sentiam confortáveis com os Terrex Two Ultra Primeblue da Adidas. Tinha-os testado em pisos de diferentes características, mas nada como os Trilhos dos Abutres para tirar as dúvidas.  A crónica sobre a prova pode ser aqui lida,  no entanto, é justo relevar o papel fundamental destes meninos a impedir as minhas quedas habituais nestes trilhos (numa das edições, foram, seguramente,…

Continue Reading Correr com lixo nos pés

Os fofinhos Trilhos dos Abutres

Até que data podemos desejar um bom ano? Esta intrigante questão tem sido colocada ao longo dos anos pelos maiores pensadores sem que se consiga chegar a uma conclusão. Desde 2013 que a minha resposta passou a ser "até ao Trilho dos Abutres". Era nessa icástica prova que a minha “época” se iniciava. Entre descidas vertiginosas, lama bem acima do joelho, ribeiros e cascatas onde a água corria gelada e os pés…

Continue Reading Os fofinhos Trilhos dos Abutres

ALUT – Há gente para tudo!

Quem se lembrou de traçar uma rota que atravessa o Algarve pela serra? A ideia, à partida, não é das mais apelativas. Se o melhor que o Algarve tem são as praias, então qual o motivo para conhecer a zona afastada do mar, certo? Errado! Desde logo, é aí que se encontram os medronhos, mas, além disso, a Via Algarviana, que junta Sagres a Alcoutim, é dos percursos mais palmilhados todos os…

Continue Reading ALUT – Há gente para tudo!

Ultra…seca

São vários os motivos que me levam a participar numa prova - o almoço retemperador do esforço despendido, a possibilidade de conhecer novos locais, o convívio e o desafio (vir em último lugar não é coincidência). Para me convencerem a inscrever nos 57 km do Trail Costa Vicentina, os meus companheiros na equipa Pro Runners não abdicaram de nenhum desses argumentos e, apesar de conhecer bem a zona, na verdade, nunca tinha…

Continue Reading Ultra…seca

O Regresso

Provavelmente ninguém notou, mas esta página, desde que o campeão Hélio Fumo respondeu às mais difíceis questões que lhe foram colocadas na carreira, hibernou. A fim de evitar especulações, esclareço que me encontro a recuperar de uma tentativa de apropriação do meu corpo por uma entidade até há pouco tempo desconhecida e que se costuma apresentar como TREINO! Não me alongando, até porque a “odisseia” dos 43:29 aos 41:49 em 12 semanas…

Continue Reading O Regresso

“O Gajo” na PRORUNNERS

Tantos anos a correr e é a primeira vez que verdadeiramente treino! Isto cansa... daqui a uns dias virá a versão real...ou talvez não )Durante vários anos, a estrada serviu somente para ir mantendo a forma para os trilhos onde constantemente me desafiava. Em dezembro de 2019, contudo, voltei a participar nas duas mais populares provas de 10 km de Lisboa, o grande prémio de Natal e a São Silvestre, tendo ficado…

Continue Reading “O Gajo” na PRORUNNERS

“1984”: Controlas a tua corrida?

Na linha da literatura distópica apresentada na crónica anterior, é outra obra de George Orwell que me inspira hoje a refletir sobre história e corrida (como tenho vindo a tentar fazer). Uma das citações mais célebres é esta é o slogan do Partido – “Quem controla o passado controla o futuro: quem controla o presente controla o passado.” Winston Smith, protagonista da obra de Orwell, repete-o obedientemente, o que é sintomático da…

Continue Reading “1984”: Controlas a tua corrida?

A (não) saudação entre atletas

O desabafo que se segue nada tem que ver com aqueles cumprimentos cheios de trejeitos e maneirismos entre os machos ou com os abraços carregados de “viste a quantidade de rímel que aquela está a usar?” em que as miúdas se especializaram. Quando comecei a calcorrear trilhos por esse país fora, umas das coisas que mais estranhei foi o raramente receber um cumprimento ou ser saudado por aqueles que comigo se cruzavam…

Continue Reading A (não) saudação entre atletas

Efeméride Épica

Faz hoje, dia 3 de fevereiro de 2021, precisamente um mês desde que foi batida a mítica barreira que há anos me atormentava.  Sim, corri pela primeira vez os 10 km abaixo dos 45 minutos!  Quase consigo escutar as locuções interjetivas que neste momento estão a proferir, mas são 44 minutos e 23 segundos de incrível realidade. Em boa verdade, numa meia maratona de Lisboa, há uns anos, corri a mesma distância abaixo…

Continue Reading Efeméride Épica